Quem vai levar a “orelhuda”?

Galácticos e Unidos da Aroeira decidem neste domingo, no Expedicionário, o título da 3ª edição da Copa Macaé

Técnico Pingo, do Galácticos, e Luyziana Wanderloph, diretora de Marketing do Aroeira, com o troféu da Copa Macaé (Foto: Tiago Ferreira)

 

TIAGO FERREIRA / ESPORTE PRESS BRASIL

 

O futebol amador do município terá a sua temporada encerrada de forma oficial neste domingo (17), às 10h, no Estádio Expedicionário, com a grande final da Copa Macaé. Galácticos e Unidos da Aroeira entram em campo com o objetivo de levantar pela primeira vez o título do torneio, que está em sua terceira edição. O troféu leva o nome do presidente da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ), Dr. Rubens Lopes, e tem o apelido de “orelhuda” devido à semelhança com a taça da UEFA Champions League.

Antes de a bola rolar para a grande decisão, a Liga Macaense de Desportos (LMD) preparou uma festa especial. Às 8h, haverá uma partida preliminar com o “futebol das crianças”. Com isso, os torcedores estão convocados a marcarem presença no estádio, onde terão a oportunidade de colocar em prática o seu lado solidário. No dia da final, a entidade preparou uma campanha de arrecadação de brinquedos (novos ou em bom estado de conservação) que serão doados para as crianças carentes do município às vésperas do Natal. Quem não puder levar o brinquedo, o ingresso custará R$ 2.

A final da Copa Macaé será transmitida, com exclusividade, pela TV Esporte Press Brasil em sua página no Facebook, com narração de Arnaldo Garcia, comentários de Mário Luiz e reportagens de Tiago Ferreira. A outra opção é acompanhar a transmissão pela web rádio aqui em nosso no site.

A campanha
dos finalistas

As duas equipes chegam à decisão com campanhas parecidas. Na primeira fase, o Galácticos se classificou em segundo lugar no Grupo A, no saldo de gols. O time estreou com derrota para o Bengala (2 a 1), mas logo depois goleou o Napoli por 4 a 2. Na última rodada, perdeu de 3 a 1 para o Trezentos, mas conseguiu avançar. Nas quartas-de-finais, eliminou o Independente por 4 a 2 nos pênaltis, após empate em 2 a 2 no tempo normal. Já na semifinal, despachou o Bengala por 3 a 1.

O Unidos da Aroeira também avançou no torneio em segundo lugar, só que do Grupo D. O time perdeu para o Sinditob (1 a 0) na estreia e, na última rodada, venceu o Botafogo por 2 a 0. Essa chave tinha apenas três equipes. Nas quartas, o Aroeira derrotou o Águia por 4 a 2, também nos pênaltis, após empate em 2 a 2 nos 90 minutos. Na semifinal, nova disputa por pênaltis. A equipe ficou no 2 a 2 com o Sinditob, mas venceu por 6 a 5 nos tiros livres da marca do pênalti.

 

CAMPANHAS DOS FINALISTAS

GALÁTICOS

UNIDOS DA AROEIRA

1 X 2 Bengala

0 x 1 Sinditob

4 x 2 Napoli

2 x 0 Botafogo

1 x 3 Trezentos

2 x 2 Águia (4x2 p.)

2 x 2 Independente (4x2 p.)

2 x 2 Sinditob (6x5 p.)

3 x 1 Bengala

 

Números dos finalistas

Equipes

PG

J

V

E

D

GP

GC

SG

%

Galácticos

7

5

2

1

2

11

10

1

46,7

Unidos da Aroeira

5

4

1

2

1

6

5

1

41,7

Com relação aos goleadores, o atacante Clovinho, do Galácticos, é o vice-artilheiro da competição, com 4 gols. Maicon Douglas, do Bengala, lidera a corrida com 6. Já pelo Unidos da Aroeira, quem balançou mais vezes as redes foi o atacante Matheus Valença, com 3 gols. Até agora, foram realizados 27 jogos na Copa Macaé, com 87 gols marcados. A média é de 3,22 gols por partida.

Após a partida decisiva, além dos troféus e medalhas para as duas equipes, serão premiados o destaque da final; o goleiro menos vazado; o artilheiro e o melhor treinador da competição.

No Macaense,
deu Galácticos

Finalistas da 3ª Copa Macaé, Galácticos e Unidos da Aroeira já mediram forças uma vez nesta temporada. As duas equipes se enfrentaram no dia 27 de abril, no Expedicionário, pela quarta rodada do Campeonato Macaense, e o Galácticos levou a melhor, vencendo por 3 a 2. Jhon Lennon, Kaique e Adenilton fizeram os gols do Galácticos, enquanto Rodrigo e Matheus Valença descontaram para o Aroeira.

O fato curioso é que esta foi a única vitória do Galácticos no Macaense, competição na qual o clube acabou sendo rebaixado para a Série B. Já o Unidos da Aroeira classificou-se para o mata-mata do Centenário em segundo lugar no Grupo B, porém acabou eliminado pelo campeão Fúria nas quartas-de-final, na disputa por pênaltis (4 a 1), após empate sem gols no tempo regulamentar. 

FICHA TÉCNICA
GALÁCTICOS X UNIDOS DA AROEIRA
Data/Hora:
17/11/2019 – 10h
Local: Estádio Expedicionário
Árbitro: Alfredo Pereira Fernandes Neto
Auxiliares: Luis Guilherme e Cremildo Corrêa Júnior
>> Galácticos: André Balada; Maito, Júnior, Nego e Felipe Neres; Robson Lira, Felipe Alemão, Marquinho e Maninho; Clovinho e Luizinho. Técnico: Pingo.
>> Unidos da Aroeira: Zanaca; Marcelo Sono, Júnior da Pose e Porquinho; Lucas, Adrianinho, Bahia, Matheus Valença e Felipe Bichara; Aldênio e Pimenta. Técnico: Torum.

>> Artilharia:
6 gols: Maicon Douglas (Bengala)
4 gols: Clovinho (Galácticos)
3 gols: Fabiano (Independente); Matheus Valença (Unidos da Aroeira)
2 gols: Álvaro, Cleitão, Orelha e Rafael (Águia); Paulo Henrique (AMFE); Boquinha (Bengala); Luiz Carlos (Casimiro); Thiarles (Fúria); Jhon Lennon e Luizinho (Galácticos); Guigui e João (Napoli); Deja e Leanderson (Sinditob); Gabriel Coutinho (Trezentos)
1 gol: Adriano Max, Lucas Barros e Victor Manoel (ABC); Douglas e Kaike (Águia); Kayo Gabriel (AMFE); Lailson, Mocotó, Vinicius, Wallison e Wellington (Bengala); Cristiano e Lucas Souza (Borússia); Deivison, Diego Florêncio e Fernando (Casimiro); Bocão, Geovane, Gu, Maurício, Robson e Wesley (Fúria); Alex, Maninho e Patrick (Galácticos); Gabriel, João Paulo, Jubão e Vitinho (Independente); Carlão e William (Napoli); Pó Royal e Baianinho (Sinditob); Paulinho (Trezentos); Bahia, Rodrigo e Pimenta (Unidos da Aroeira)

>> Números gerais:
Jogos realizados: 27
Gols marcados: 87
Média: 3,22 gols por jogo

>> Quartas-de-finais:
Q1 – Bengala 2 x 0 AMFE – 26/10 – 13h
Q2 – Águia 2 (2) x 2 (4) Aroeira – 26/10 – 15h
Q3 – Independente 2 (2) x 2 (4) Galácticos – 27/10 – 13h
Q4 – Sinditob 3 (3) x 3 (0) Fúria – 27/10 – 15h

>> Semifinais:
S1: Bengala 1 x 3 Galácticos – 02/11 – 13h
S2: Aroeira 2 (6) x 2 (5) Sinditob – 02/11 – 15h

>> Final:
Galácticos x Aroeira – 17/11 – 10h

Comentários

Notícias relacionadas